top of page

Festa de aniversário (ou como nascem as borboletas)


Poderiam pensar (pensaram) que estava morta. Mas havia vida pulsando em seu corpo. Tudo foi apenas mais um ciclo que encerra e inicia dentre tantos outros vividos por ela. A estrutura leva tempo e então, quando a força surge da mudança, eis que emerge ela radiante em forma, levanta-se fortalecida para continuar...a vida de borboleta.

Ass: Aline Cavalcante


Esse é um microconto escrito em janeiro de 2022. As fotos que ilustram esse post foram feitas em 2021 durante o período de nascimento de algumas borboletas no meu jardim. Foram semanas acompanhando a movimentação que começou na grade da porta da sala com as lagartas colando na estrutura para continuar seu processo. Foi quase uma infestação, mas entendi que ali foi o local escolhido para uma mudança que também era iminente no meu lar e na minha vida. Assim, entre o nascer e o morrer surgiu uma linda borboleta que registrei em cada fase, ou pelo menos nas principais. São poucas fotos, mas o suficiente para me lembrar da ironia do processo em um importante momento vivido, só depois entendi que era eu aquela borboleta que teve força e foi para o mundo.


















4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page